tigela de salada

“Tudo o que não nos destrói, torna-nos mais fortes.”

Friederich Nietzsche

O filósofo e pensador Nietzsche já dizia e eu, não poderia concordar mais, que tudo que não acaba com a gente pode ajudar a nos fortalecer. Podemos viver constantemente em provações, passando por momentos de dificuldades, mas se você tiver forças para lutar e superar as adversidades, por mais difícil que seja, depois você sairá mais forte e nada irá te deter.

É esse pensamento que deve te acompanhar durante toda a dieta da Operação Candidíase. Nem pense em desistir! Mas, antes de começar a aplicar a dieta, você precisará de alguns cuidados e fazer algumas coisas para que seu corpo esteja apto para começar com o pé direito, minimizando as chances de insucesso do programa.

Realizar alguns passos simples antes de iniciar o programa não só encurtará seu tratamento, mas aumentará suas chances de sucesso. Então, aqui estão algumas orientações básicas que você deve seguir antes de começar o seu tratamento para candidíase!

Faxina geral

materiais de limpeza

Relaxa, não estou falando de faxina na casa, mas sim de livrar seu corpo de todas as impurezas. Essa é a melhor maneira de iniciar seu programa de tratamento contra a candidíase.

Esta desintoxicação deve durar de 3 a 7 dias e é um ótimo primeiro passo para combater sua infestação de Cândida. A ideia é eliminar boa parte das colônias de Cândida que estiverem alojadas no seu corpo, bem como seus subprodutos tóxicos, ao mesmo tempo em que reduz a carga em seu sistema digestivo.

A limpeza começa a preparar seu sistema digestivo e intestino para a dieta com baixo teor de açúcar, inclusão de probióticos, antifúngicos que irão prosseguir durante o seu plano de tratamento para candidíase.

Os benefícios de uma boa limpeza vão além do tratamento de candidíase, pois fornecem mais energia, melhora o humor, melhor a digestão, promove a perda de peso saudável e melhoram a concentração.

Para as pacientes com candidíase oferece a possibilidade de limpar os resíduos do seu intestino, eliminando algumas células de Cândida e expondo o restante para que os outros tratamentos de candidíase que virão a seguir possam matá-los.

Existem muitas maneiras diferentes de fazer uma limpeza efetiva. No e-book Operação Candidíase você encontra algumas instruções que você pode seguir para uma limpeza que promove uma desintoxicação de 3-7 dias rápida, segura e eficaz.

Diminuir o Consumo de Alimentos Processados

alimentos

Para ter sucesso na luta contra a candidíase você deverá abandonas os alimentos processados, industrializados conhecidos como “junk food”. Por mais que isso seja pré-requisito, evite fazer isso tudo de uma vez.

Tente abandonar a “junk food”, bem como cafeína e guloseimas ricas em açúcar aos poucos, antes de começar sua limpeza. Você deve evitar cigarros, álcool ou qualquer outra substância aditiva.

É importante que esse processo seja mais lento. Tirar todas essas comidas e hábitos que você está acostumado de uma vez só pode resultar em uma coisa: abstinência.

É particularmente importante que você reduza a quantidade de café e chá que você ingere. Lembre-se que a cafeína é uma substância altamente viciante e reduzir sua ingestão certamente ajudará seu sistema imunológico e apoiará suas glândulas adrenais.

Elimine os Fatores de Risco para Candidíase

mão desenhando

Existem muitas causas possíveis do complexo relacionado com a Cândida como você já viu no artigo:

Saiba agora quais as 7 Principais Causas da Candidíase!

e agora é o momento de eliminar de vez da sua vida.

Lanches ou refrigerantes com alto teor de açúcar são os principais culpados, mas os antibióticos também são uma das principais causas da Cândida, então certifique-se de retirar os medicamentos, a não ser que seja extremamente necessário para tratar alguma outra condição que venha sofrendo.

Outros medicamentos como a pílula anticoncepcional e remédios para úlceras intestinas também foram associados à disbiose intestinal e ao crescimento excessivo de Cândida, assim como o estresse, o tabagismo, os parasitas e o amálgama dentário.

Essa é uma parte dos fatores de risco que podem estar causando a candidíase, mas existem outras. O ideal é você tentar eliminar o máximo desses fatores de risco para prosseguir com o plano de tratamento para candidíase.

Você está pronto para os Sintomas Causados pela Cândida?

mulher com a mão na cabeça

Uma vez que você inicia seu tratamento de candidíase, você pode sofrer com os sintomas causados pela Cândida. Isso pode manifestar-se em sintomas que vão desde náuseas e dores de cabeça até a transpiração ou mesmo coceira. Por que isso acontece? Simplificando, os sintomas ocorrem quando seu plano de tratamento Cândida está funcionando muito bem!

Isso significa que um grande número de células de Cândida estão sendo mortas. Quando elas morrem, elas liberam grandes quantidades de subprodutos tóxicos como o acetaldeído na corrente sanguínea.

Esses subprodutos causam sintomas que são geralmente semelhantes aos sintomas regulares de Cândida, ou até mais extremos. Então, você pode sentir uma dor de cabeça grave ou fadiga mais intensa do que a habitual.

No entanto, só porque o tratamento para candidíase está funcionando não significa que você precisa sentir esses sintomas desconfortantes. Se você tomar certos cuidados, você pode preparar seu corpo para a sobrecarga tóxica que irá enfrentar e reduzir esses sintomas.

A melhor maneira de fazer isso é escolhendo um bom suplemento de desintoxicação com suporte de fígado, como o molibdênio, ou um aglutinante de toxina como bentonite.

No meu programa Operação Candidíase eu recomendo tomar esses suplementos de desintoxicação logo no início do seu tratamento. Isso aliviará a carga em seu fígado e permitirá que eles estejam totalmente preparados para quando você começar a tratar sua candidíase. Confira mais no livro!

Leave a Reply

Your email address will not be published.